You Are Here: Home » Dossiers » Agricultura e Pescas » Banco de Terras

Banco de Terras

Banco de Terras

A Ministra da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território, Assunção Cristas, apontou a importância de aumentar a produção agrícola em Portugal, afirmando que «todo o pequeno hectare de terra que o Estado conseguir disponibilizar é bom, sobretudo para jovens agricultores».

«Todos os hectares que nós pudermos juntar é bom e todos são poucos para aquilo que são as nossas necessidades de aumentar a produção nacional», afirmou Assunção Cristas, na Herdade do Zambujeiro, no concelho alentejano de Viana do Alentejo.

A deslocação da Ministra assinalou o início do concurso de disponibilização de terras do Estado para cultivo – através de arrendamento, que nesta primeira fase vai abranger 600 hectares -, ainda do tempo da reforma agrária.

Assunção Cristas visitou uma dessas parcelas, com cerca de 165 hectares, as quais serão disponibilizadas «a curto prazo e regulamentadas através de concurso público».

«O empenho do Governo é, precisamente, pegar em tudo aquilo que está disponível e colocá-lo no mercado, especialmente dirigido aos mais jovens», acrescentou a Ministra.

«Este é o início do caminho que o Governo quer traçar e todo o pequeno hectare que possa ser disponibilizado, para entrar no mercado e para ser aproveitado para a produção para os jovens, é muito positivo», afirmou Assunção Cristas.

«Agora, são 600 hectares, no futuro serão mais alguns que estamos a juntar nas direções regionais de Agricultura e Pescas, depois, vamos mobilizar também os outros ministérios para nos darem nota de propriedades que tenham sem uso», afirmou a Ministra.

«É um processo equilibrado, dinâmico e que tem pequenos passos. Este é o primeiro, é simbólico. Nós precisamos muito de mostrar que a agricultura tem um sentido de futuro e que pode ser uma solução boa para os jovens e, hoje, vemos que esse interesse é maior», afirmou.

Os preços dos contratos de arrendamento que vierem a ser celebrados serão «acessíveis, dentro daquilo que é o mercado, o objetivo do Estado não é tanto tirar daqui um grande rendimento, mas sim reconhecer o grande rendimento que o país pode tirar de ter estas terras em produção», acrescentou a Ministra.

Comentários

comentários

Clip to Evernote
pub-5496882007956346

© 2017 CDS-PP Barcelos | B R A N D U P | MARKETING

Scroll to top